E-commerce: o que eu preciso saber antes de abrir o meu?

Seja para quem já tem um espaço físico ou para quem deseja abrir um negócio exclusivamente digital, o e-commerce representa um grande atrativo, mas também traz dúvidas para quem não possui conhecimentos técnicos sobre internet. Afinal, o que eu preciso saber antes de abrir o meu e-commerce?

Se há alguns anos a abertura de um espaço virtual de vendas parecia um trabalho que necessitava investimento nas mais diversas áreas, e uma ampla equipe dedicada à implantação e manutenção, atualmente existem ferramentas e serviços a preços bem mais acessíveis.

Assim, mesmo sem um conhecimento técnico sobre tecnologia, é possível abrir uma loja virtual. Com isso, o e-commerce deixou de ser exclusividade de grandes empresas e passou a ser utilizado também, por negócios de todos os tamanhos.

Marketing é um elemento fundamental

Apenas estabelecer seu negócio na internet, muito provavelmente, não fará com que os consumidores cheguem até ele. Mais do que o espaço virtual, são necessárias estratégias de marketing para atrair clientes. Criar campanhas, obter uma presença nas redes sociais e gerar tráfego são elementos fundamentais para o sucesso de qualquer e-commerce.

Nesse quesito, as redes sociais servem como grandes aliadas. Além de poder criar campanhas de divulgações em plataformas como Facebook, Twitter e Instagram, elas também permitem gerar um engajamento entre a empresa e os clientes.

Fazer com que as pessoas não só comprem, mas também interajam e recomendem a empresa a amigos e familiares, ampliará o alcance e atrairá novos clientes em ritmo acelerado.

Atendimento ao cliente

Entre as diferenças entre comprar um produto online e comprar um produto em uma loja física, está o contato direto entre vendedor e cliente.

Criar alternativas para o cliente e fazer com que ele se sinta à vontade com o ambiente do seu e-commerce é fundamental. Disponibilizar formas de atendimento personalizado e ser o mais transparente possível são formas de conquistar a confiança dos consumidores e aumentar as chances de venda.

Em relação ao atendimento via chat ou e-mail, respostas automáticas podem economizar tempo e dinheiro, mas distanciam o cliente da empresa. Investir em uma relação mais pessoal tende a conquistar e fidelizar os clientes.

Outros elementos importantes

Além disso, o controle e gerenciamento de estoque exige um cuidado especial. Como as vendas online acontecem de uma forma dinâmica, é importante não só conseguir captar rapidamente os produtos no estoque, mas também tomar um cuidado especial para não vender um número de produtos maior do que a empresa pode suprir naquele momento.

Outro ponto que está entre os mais importantes do e-commerce é a entrega. Alvo de bastante expectativa pelos clientes, a entrega das mercadorias exige uma logística eficiente para evitar atrasos, tanto para entregas próprias quanto para as terceirizadas. Ser claro e transparente com o consumidor, em relação aos prazos também é importante.

Diante disso, que tal conhecer os nossos serviços relacionados ao e-commerce?